Arquivo | dezembro, 2012

Pensamento do dia

19 dez

Não importa o quão na merda você esteja. Sempre vai aparecer alguém pra te empurrar pra baixo. fuck it

Os delírio de consumo

18 dez

Tema recorente aqui no blog, minha vida financeira entrará para a lista de metas a serem cumpridas no próximo ano.

Sim, percebi que ninguém pode gastar da forma que eu gastava e ficar impune. Portanto, bora resolver logo isso e seguir com a vida.

Apesar dos pesares, vejo uma evolução no meu comportamento. Antes eu era a garota que nem via saldo bancário, e não fazia ideia de quanto devia. Hoje eu recebo meu saldo bancário por SMS toda semana. O banco também me ajudou, com sua super generosidade acabou com meu cheque especial e me liga quase diariamente para que eu cubra logo meu negativo e pague minhas contas.

Acho que se posso ajudar alguém que leia isto e que esteja pasando pela mesma situação as dicas são:

1) Encare o problema de frente. Saiba quanto você deve e tente negociar o mais rápido possível.

2) Estabeleça metas reais. Quanto mais rápido você se livrar da dívida, mais feliz será.

3) Não, você não precisa comprar tantas coisas para viver. Nestas horas o desprendimento é fundamental.

4) Relaxe, todo mundo erra na vida. Você não vai ser a primeira e nem a última, mas saiba que você pode se tornar uma pessoa livre, e isso, não tem preço.

Os próximos meses serão duros e sei que tenho que manter uma disciplina espartana. Mas vamos lá. Cabeça erguida e a consciência de que estou, literalmente, pagando pelos meu erros.

Existem sempre duas formas de se aprender uma lição, desta vez foi da forma mais dolorosa.

Outras metas em vista para 2013, se o mundo não acabar, mas ficarão para o próximo post.

Insano

14 dez

Depois do meu último post eu deveria parar de reclamar, juro… mas não consigo.

Estou realmente quero me tormar uma pessoa melhor, sem dívidas, organizada, mais calma, inclusive, uma pessoa que medita.

Mas acho que o mundo está acabando mesmo, porque estou vendo que nada disso será possível.

E sabe que nem seria má ideia se dia 21 o mundo desse reset?

Estou irritada, estressada, querendo mesmo é que o mundo exploda. E o pior: nem tenho uma TPM pra usar de desculpa!

O caos é aqui

3 dez

Estava eu louca para que chegasse logo dezembro. Não pelo fim do ano, ou fim do mundo, mas para pagar minhas contas e quitar minhas dívidas. Como toda pessoa endividada que eu conheço, a data de recebimento do 13 terceiro chega ser mais importante que o próprio aniversário.

Portanto, dia 30 lá estava eu perturbando o pessoal do financeiro. Até que recebo a notícia mágica que a grana bateu na conta. Na minha faz até eco, mas tudo bem. Primeira providencia: enfrentar uma fila quilométrica para sacar meu suado dinheirinho. Primeiro obstáculo: sistema lento e fora do ar. Deixei pra noite e tudo bem.

Sábado e um lindo dia de sol, dinheiro na conta e lá vou eu passar novamente no banco e adivinhem? Meu banco decidiu que era hora de tirar meu cheque especial e “comeu” meu dinheiro… E olha que nunca fiquei devendo heim.. Não a ele. Tudo bem, pensei eu. Esse mês me aperto e pelo menos não tenho mais que me preocupar com negativo.

Bom, deixa eu ver meu saldo. Neste momento tomei o terceiro golpe do fim de semana: depositaram meu 13 errado, e claro, pra menos. Sim, eu deveria ter checado na sexta, mas acreditem, eu tenho medo de ver saldo bancário. Bom, mais uma vez, imbuída de uma imensa paciência budista vi que nada poderia fazer num sábado e não me estressei, amanhã resolverei isso na empresa.

Depois de me considerar um espírito evoluído a ponto de não me apegar a bens materiais, resolvo me distrair limpando a casa ( ok, uma parte da casa). Serviço terminado e descubro que a geladeira está quebrada e que possivelmente terei que comprar outra. Lembram do início do post quando falei que estava endividada? Bom, fiz umas contas mentais, nas quais sou péssima, e vi que dependendo da resposta do técnico que vem aqui amanhã, vou me endividar mais.

Mas nãooooo o fim de semana me reservava uma última surpresa: vou trocar meu telefone, porém, o novo ainda não chegou e passei o velho para frente ( business, baby) e prometi entregar amanhã e ficar com um velhinho capenga que já tinha aqui em casa. Porém descubro que ele está bloqueado e tenho que ir na loja desbloqueá-lo. Delícia, não?

Portanto concluo que o fim do mundo foi antecipado, ninguém me avisou e já estou no inferno.

Até o próximo caos.